• Time Artíbale Faria

O que é e quais os benefícios do Compliance Trabalhista



A palavra compliance deriva do termo em inglês “to comply” que significa “cumprir” ou melhor, “estar em conformidade”.


Então já se pode dizer que o objetivo de um compliance trabalhista busca fiscalizar, planejar, implementar e, principalmente, manter a integridade da empresa no âmbito do trabalho


A empresa íntegra transmite uma boa imagem, impactando positivamente na forma como é reconhecida pela sociedade que usa e/ou compra seu produto ou serviço.

Para que o compliance aconteça é necessário criar e estabelecer um Programa de Compliance, com métodos e etapas de desenvolvimento e aplicação.


Neste programa, pode-se elencar diversas funcionalidades, sempre adaptáveis e personalizadas as necessidades de cada atividade empresarial, levando-se em conta seu setor econômico, sua rotina e essencialmente seus problemas ou dificuldades enfrentadas.


Dentre os principais momentos desse programa citamos alguns comuns como: Detectar, Prevenir e Remediar possíveis desvios de conduta que são praticados dentro e fora da organização, mas vinculados a ela.


Para a efetividade de cada um destes momentos podem ser criadas ferramentas e mecanismos específicos com capacidade de solucionar ou prevenir riscos de desvios de conduta, sem perder o olhar no principal integrante: o fator humano – que muitas vezes impede que situações idênticas tenham desfecho igual.


Com a aplicação bem-sucedida, tem-se que o resultado de um bom programa de compliance trabalhista se traduz no fortalecimento da cultura da empresa e consequentemente na sua boa reputação, não só trabalhista, mas para todos os fins, seja minorando os riscos, trazendo maior segurança jurídica ou estruturando o crescimento sustentável da empresa.


A cultura preventiva é vista por especialistas do setor empresarial como, na verdade, um grande investimento. Esse entendimento decorre do aumento no nível de credibilidade da empresa no mercado financeiro e do maior empenho dos empregados no exercício de suas atividades, todos vindos de um ambiente empresarial mais ético, agradável e produtivo em todos os sentidos. Assim, vale a reflexão:



Escrito por Cintia Vieira